ASERGHC e sindicatos da saúde discutem sobre valor do Vale Alimentação no TRT4

Representantes dos sindicatos em audiência no TRT4.

Na manhã de hoje (9) representantes da associação e dos sindicatos Sindisaúde-RS Sinditest-RS, Sindfars, Sindaergs, Sisergs, Sipergs e Senge participaram de nova audiência de mediação a respeito do valor do Vale Alimentação (V.A.) e outros itens do Acordo Interno dos trabalhadores do GHC, no Tribunal Regional do Trabalho da 4ª região. A gestão do Grupo Hospitalar Conceição esteve representada pelo Diretor Administrativo e Financeiro Claudio Oliveira, além de seus assessores jurídicos. O presidente Arlindo Ritter representou a Aserghc e o Sindisaúde-RS.

Representantes dos sindicatos em audiência no TRT4.

A mediação no TRT4 está aberta desde 2018, buscando discutir o reajuste do V.A. e a retomada das Férias-Prêmio e Licença para Capacitação. Em negociação com os gestores do GHC, a manutenção do benefício do V.A. foi prorrogada durante seis meses.

Segundo a advogada Ingrid Birnfeld, existem outras empresas públicas ligadas à Secretaria de Coordenação e Governança das Empresas Estatais (SEST) que recebem V.A. com valores muito superiores aos trabalhadores do GHC, como a Trensurb, a Caixa Econômica Federal e a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), que atualmente administra hospitais em Pelotas, Santa Maria e Rio Grande. O valor pago aos trabalhadores desses hospitais é de R$ 609,00 no Vale Alimentação. Atualmente a SEST pertence à Secretaria Especial de Desestatização e Desinvestimento.

Os gestores do GHC solicitaram mais tempo para trazer respostas concretas à audiência de mediação, pois precisam dialogar com integrantes do Ministério da Saúde. A próxima audiência está agendada para 27 de junho, às 10h no Tribunal Regional do Trabalho da 4ª região.